Previdência Social Nit

Saiba Mais Sobre NIT Galeria

O interessado em se cadastrar junto à previdência social e tornar-se segurado faz seu cadastro no Regime Geral de Previdência Social e recebe um número de identificação pessoal de sua inscrição, o NIT. Dessa forma o próprio trabalhador contribuinte individual facultativo, doméstico ou segurado especial pode fazer sua inscrição se não possuir o PIS/ PASP/ ou NIT. Para isso o interessado deve ter em seu poder os documentos de identificação, carteira de identidade ou certidão de nascimento ou casamento, CPF e carteira de trabalho além de comprovante de residência.

Seja um Segurado e Desfrute dos Benefícios

Seja um Segurado e Desfrute dos Benefícios

O NIT é um código pessoal através do qual o trabalhador será identificado junto à previdência após ter sido cadastrado e com ele automaticamente fica inscrito no cadastro de informações sociais, o CNIS. O código permite que mesmo que o trabalhador não tenha ainda o PIS ou PASEP ele possa se utilizar do NIT para usufruir das vantagens de ser segurado e receber os auxílios a que têm direito. Mas se você não souber o número de seu código e precisa desse número por algum motivo, basta que acesse o site da previdência Social NIT vá até a página do formulário específico de preenchimento, preencha com os dados pessoais e outros e pronto, será informado de seu número. Mas caso queira pode ir até uma das agências, na qual também poderá consultar sobre o número de identificação. Para segurados especiais ou produtor rural para fazer o NIT podem ser usados os comprovantes de cadastro do INCRA, contrato de arrendamento, bloco de notas de produtor rural ou bloco de notas de venda de produtos, comprovante de ITR, certificado de CCIR ou ainda autorização de ocupação temporária fornecido pelo INCRA. Ainda declaração do sindicato a que pertence o interessado, desde que o sindicato esteja registrado no Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, com homologação do INSS onde ateste sua condição de segurado especial ou produtor rural dentre outras. A inclusão pode ser realizada verbalmente na agência da Previdência, na internet na página da previdência, nos auto-atendimentos do APS e ainda nas unidades móveis.

Saiba Como Fazer a Contribuição

Para fazer o recolhimento das contribuições deverá se utilizar do Guia GPS para as categorias de contribuinte individual, empregador doméstico, facultativo e segurado especial e a guia pode ser paga em bancos, lotéricas, ou pela internet através de débito em conta. O preenchimento será em duas vias, sendo que a primeira será destinada para que o portador possa provar ao INSS os recolhimentos caso seja solicitado, a segunda via será destinada ao agente arrecadador. O prazo para que seja feito o recolhimento das contribuições será até o dia 15 consequente ao mês da contribuição, e 20 de dezembro quando for sobre o 13º salário.

Mais artigos como este
Discussão
blog comments powered by Disqus
Outros estão lendo no momento