Dente podre: causa mau hálito, o que fazer?

Dente podre: causa mau hálito, o que fazer? Galeria

O mal halito ou halitose define-se como odores desagradáveis ao olfato oriundos da cavidade oral ou disseminados através da respiração.

Os fatores causadores do mau hálito mais comuns são: gastrite, estomatite,amigadalite, faringite e infecções na cavidade oral (gengiva, língua e dentes).

Logo, o apodrecimento dos dentes causado pela ação de microrganismos gera a morte da polpa dentária. Com o aumento da lesão, odores desagradáveis podem exalar da cavidade oral devido a grande área de tecido necrosado.

Para evitar este mal seguem algumas dicas importantes, práticas e fáceis:

Dicas práticas

1. Aumente o número de vezes que escova os dentes. Proceda a escovação dos dentes especialmente após as refeições. Esfregue firmemente os dentes, as bochechas, o céu da boa e a língua;

2. Após escovar os dentes sempre use o fio dental. Passe o fio dental em todos os dentes, nas reentrâncias, na região anterior e posterior de cada dente;

3. Se possível, utilize enxaguante bucal a base de bicarbonato de sódio, lavando toda região interna da boca, gargarejando pela menos 3 vezes ao dia;

4. O ressecamento da boca durante o dia pode causar odores oriundo de dentes apodrecidos, logo, procure mascar goma, preferencialmente diet, algumas vezes durante o dia;

5. Procure comer alimentos firmes e fibrosos, como cenoura, maças, entre outros capazes de auxiliar a limpeza dos dentes, minimizando os resíduos nos dentes apodrecidos;

6. Evite excesso com bebidas alcoólicas e tabaco. Por si só este produtos induzem ao mau hálito e prejudicam a saúde dos dentes;

7. Bochechar água com gotas de limão também produzem resultados significativos, pois a acidez presente no limão inibe a proliferação de microrganismos causadores de odores desagradáveis;

8. Ingira bastante água durante o dia.

Como proceder quando dente apodrece

Quando microrganismos acumulam numa determinada região do dente produzem restos metabólicos que, em sua grande maioria, são ácido altamente corrosivos.

Deve-se proceder a higiene dental constante e rotineira para evitar o surgimento das famosas cáries.

As cáries começam com um pequeno pontinho escuro, onde os resíduos são acumulados com mais facilidade, permitindo o acúmulo de microrganismos e liberação de restos metabólicos que irão aprofundar ainda mais o "furinho".

A tendência é o aumento da cavidade até a polpa do dente, expondo-o aos resíduos, microrganismos e os ácidos oriundos do seu metabolismo. Como a polpa é mais sensível que o esmalte dos dentes, é rapidamente destruído.

Logo, o mau hálito é oriundo da necrose desta estrutura e pelo processo inflamatória gerado na região apodrecida.

Seguem algumas dicas para minimizar a dor e o odor:

1. Procure um dentista, um profissional de confiança para avaliar o caso;

2. Jamais catuque a região cariada com objetos pérfuro-cortantes;

3. Faça bochechos com água morna com sal, vinagre e limão para minimizar o processo inflamatório e diminuir a dor;

4. Em caso de dor intensa e febre procure um médico para iniciar um tratamento medicamentoso.

Mais artigos como este
Discussão
blog comments powered by Disqus
Outros estão lendo no momento
Cupons e descontos
  • Livros infantis para todas as idades
    Mostrar oferta

    Copiar código

    Válido até 30.07.2014 | Ver detalhes | Veja todos os cupons de desconto de Submarino

    Encontre no Submarino diversos livros infantis de todos os gêneros e para diversas faixas etárias.